Lançamentos: "A Fera Em Mim" e "Frozen: um coração congelado"

sábado, 30 de abril de 2016
Olá, leitores!

Tem novidade apaixonante da Editora Universo dos Livros chegando por aí, especialmente para os que curtem a história de A bela e a fera! É o livo "A fera em mim", que já está em PRÉ-VENDA, por um preço bem legal. Confiram um pouquinho sobre o livro;

Um príncipe amaldiçoado se isola em seu castelo. Poucos o viram, mas aqueles que conseguiram tal proeza afirmam que seus pelos são exagerados e suas garras são afiadas – como as de uma fera! No entanto, o que levou esse príncipe, que já foi encantador e amado por seu povo, a se tornar um monstro tão retraído e amargo? Será que ele conseguirá encontrar o amor verdadeiro e pôr um fim à maldição que lhe foi lançada? Em A fera em mim, conheça a história por trás de um dos mais cativantes e populares contos Disney de todos os tempos: A Bela e a Fera!



E as novidades não param por aí! Como lançamento da editora temos ainda um livro de Frozen! Olha que coisa mais lindinha? 

Frozen: um coração congelado, conta a história de uma jovem e solitária princesa chamada Anna, que esteve isolada do mundo por boa parte de sua vida. Até que, certo dia, ela encontra o belo príncipe Hans, e por ele se apaixona. A princípio, parece que os sonhos de Anna finalmente se tornaram realidade. Afinal, pelo menos ela achou alguém para amar. Porém, assim que as reais motivações de Hans vêm à tona, o conto de fadas começa a desmoronar e Anna descobre que o amor verdadeiro é mais poderoso do que ela poderia imaginar.








Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





Aniversário - Editora Belas Letras

quinta-feira, 28 de abril de 2016

Olá, leitores!

A nossa editora recém-parceira está comemorando esse mês (mais precisamente hoje) 8 anos de aniversário! O Postando Trechos deseja parabéns pelo lindo trabalho que eles tem feito, pelo carinho e dedicação com os parceiros e pelo cuidado com todas as encomendas enviadas. Que os próximos anos sejam de ainda mais sucesso! 

E, como boa editora que é, eles fazem aniversário, mas quem ganha o presente são os leitores! Vamos conferir as novidades que chegaram junto com essa comemoração? 





De 25 a 30 de abril, os nossos 8 livros mais vendidos de 2015 estão com 50% de desconto na nossa loja virtual. Ao finalizar a sua compra, utilize o cupom
OITO para garantir o seu desconto. Vale para O papai é pop, Panelaterapia, Precisava de você, Os campeões, Uma vida sem máscaras, De bem com o espelho, Pólvora e Morando sozinha.







RESUMA SE PUDER!


A partir desta semana, o sistema de envio de originais para avaliação conta com algumas mudanças. Agora, o autor deve nos contar em um tweet (até 140 caracteres) o que de diferente e bacana encontraremos no seu original. Caso a sua ideia seja aprovada pela equipe, eles entrarão em contato com o e-mail fornecido para obtermos mais detalhes e conversarmos com você.

Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





Trilha Sonora + Nova capa: Como eu era antes de você

quarta-feira, 27 de abril de 2016
Olá, leitores!!

Para quem acompanha os livros da Jojo Moyes e os posts enlouquecedores que o blog da Editora Intrínseca tem feito sobre "Como eu era antes de você" ultimamente, deve ter visto a listinha das músicas que estarão na trilha sonora do filme que estreia no começo de Junho. Ainda não viu? Confira abaixo. 

X Ambassadors - Unsteady



The 1975 - The Sound



Jack Garratt - Surprise Yourself



Cloves - Don't Forget About Me



Ed Sheeran - Photograph

(Essa música já me fez chorar desde o momento em que eu associei com a história do filme. Agora vamos imaginar o meu estado saindo do cinema em Junho!)


Além da divulgação dessas músicas lindíssimas aumentar a nossa ansiedade consideravelmente, a editora também divulgou uma nova capa para o livro, com a imagem (maravilhosa) do filme. E, para a alegria de JojoLovers como eu, o livro "A última carta de amor" também entrou na festa e ganhou capa nova. O que acharam? Eu estou apaixonada, apesar de ainda gostar mais da capa original dos dois. Mesmo assim, achei que as capas ficaram fofíssimas! *_* 


Posts originais da editora:
Trilha sonora
Nova capa






Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





Resenha - Clube dos herdeiros

segunda-feira, 25 de abril de 2016
Título: Clube dos herdeiros - Como nossos pais
Autor(a): Fabiana Madruga
Número de páginas: 144
Editora: Draco


Por: Brenda Sousa

"- Minha filha, namoro não é roda gigante. Nem tudo é frio na barriga!"
 Clube dos herdeiros - Fabiana Madruga.


Manuela e Helena são duas garotas ricas, que aproveitam a vida em festas, esbanjando dinheiro e curtindo a juventude sem precisar passar por cima de ninguém. Helena é comprometida com Guilherme e Manuela é uma das solteiras mais cobiçadas do Rio de Janeiro. Certa noite, enquanto estavam no camarote de um show, Manuela avista um rapaz sentado lendo um livro. Os olhares se encontram e ele se direciona até ela. Marcam de se encontrar em uma segunda festa depois dali. Não trocaram nomes, nem telefone, e o encontro acaba nunca acontecendo. 

Manuela passou a querer encontrar o rapaz frequentemente, mas o momento foi perdido quando ele não apareceu para encontrá-la na festa. As coisas começam a mudar quando, alguns meses depois, Helena conhece Pedro, um colega de faculade do seu irmão Henrique e percebe que é o esquisitão que Manuela conheceu no show e com quem vem sonhando tão frequentemente. Como é exatamente o dia da festa de aniversário da amiga, ela decide levar Pedro como presente de aniversário, já que não tinha encontrado nada suficiente bom para presentear Manuela. 

As famílias de Helena, Manuela e Guilherme são ricas e estão entre as mais populares do Rio de Janeiro, portanto espera-se que eles se relacionem apenas com pessoas no "mesmo nível". O problema é que Pedro é um rapaz humilde da periferia, que estuda comunicação e luta pelo seu futuro. As confusões desse mundo high society estão apenas começando quando as coisas pretendem se acertar entre Manu e Pedro, mas engana-se quem pensa que a diferença de 'nível social' entre eles é o único problema nessa história, uma vez que Helena e Henrique também tem seus problemas, e dos grandes! 


Eu confesso que pelo título e pela sinopse eu esperava algo bastante diferente desta história. Acabou sendo uma leitura bem mais leve do que eu imaginava e tratando de um tema completamente diferente do que esperei. Não posso dizer que o livro é ruim, porque até que foi uma leitura tranquila, mas acredito que não se encaixa muito no tipo de história que eu curto ler. O mundo high society tratado no livro não me chama tanta atenção, mas curti a ideia de mostrar um outro lado dessa vida que tantas pessoas vivem cobiçando por aí. 

Acho que os personagens foram jovens ricos bem representados, com seus dilemas e problemas que, apesar de mais pomposos, são semelhantes aos de muitos jovens quando envolvendo relacionamento, amizades e familiares. Para quem curte histórias no estilo Gossip Girl, esse é um livro ótimo e interessante de ser acompanhado. 







Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





Picbook Project: As melhores fotos de Março

sábado, 23 de abril de 2016
Olá, leitores!

O nosso Picbook Project está a todo vapor! O tema de Março foi "Girl power", em homenagem ao dia da Mulher e as fotos ficaram maravilhosas, como sempre e cada vez melhor. Vamos conferir as nossas preferidas de cada blog participante? 









Blog Biblioteca Lecture



Instagram Livrosebook



Blog DearMaidy



Blog Postando Trechos



É isso aí, pessoal! Em breve teremos os melhores de Abril e o próximo Picbook no mês de Maio! Aguardem e fiquem ligados!


BLOGUEIRAS PARTICIPANTES:
     
      





Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





| The Kiss of Deception | Lançamento DarkSide

sexta-feira, 22 de abril de 2016


Olá, leitores!!

A última seleção de parceria da Editora Darkside não nos selecionou (não foi dessa vez =/), mas tenho ficado de olho nos lançamentos deles e vários me interessaram. Dentre eles está "The Kiss of Deception - Crônicas de Amor e Ódio", por Mary E. Pearson. O livro já está em fase de impressão e deve chegar no início de maio para os leitores. Vamos conhecer um pouquinho sobre ele?

Plante ilusões e você colherá do mundo grandes decepções.

Tudo parecia perfeito, um verdadeiro conto de fadas – menos para a protagonista dessa história. Morrighan é um reino imerso em tradições, histórias e deveres, e a Primeira Filha da Casa Real, uma garota de 17 anos chamada Lia, decidiu fugir de um casamento arranjado que supostamente selaria a paz entre dois reinos através de uma aliança política. O jovem príncipe escolhido se vê então obrigado a atravessar o continente para encontrá-la a qualquer custo. Mas essa se torna também a missão de um temido assassino. Quem a encontrará primeiro?

Quando se vê refugiada em um pequeno vilarejo distante – o lugar perfeito para recomeçar – ela procura ser uma pessoa comum, se estabelecendo como garçonete, e escondendo sua vida de realeza.

O que Lia não sabe, ao conhecer dois misteriosos rapazes recém-chegados ao vilarejo, é que um deles é o príncipe que fora abandonado e está desesperadamente à sua procura, e o outro, um assassino frio e sedutor enviado para dar um fim à sua breve vida. Lia se encontrará perante traições e segredos que vão desvendar um novo mundo ao seu redor.


O romance de Mary E. Pearson evoca culturas do nosso mundo e as transpõe para a história de forma magnífica. Através de uma escrita apaixonante e uma convincente narrativa, o primeiro volume das Crônicas de Amor e Ódio é capaz de mudar a nossa concepção entre o bem e o mal e nos fazer repensar todos os estereótipos aos quais estamos condicionados. É um livro sobre a importância da autodescoberta, do amor, e como ele pode nos enganar. Às vezes, nossas mais belas lembranças são histórias distorcidas pelo tempo.

The Kiss of Deception foi escolhido pelo comitê da Young Adult Library Services Association (yalsa) como umas das melhores ficções ya de 2015 e escolhido uma das principais fantasias de 2014 pelos leitores no Goodreads. Esta viagem extraordinária, repleta de ação, romance e mistério chega ao Brasil em março de 2016 pela Darkside® Books para integrar a Coleção DarkLove.


Depois de tudo isso, me deu ainda mais água na boca. Olha que capa mais incrível! *_*





Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





Resenha - Inverso

quarta-feira, 20 de abril de 2016
Título: Inverso
Autor(a): Karen Alvares
Número de páginas: 136
Editora: Draco


Por: Brenda Sousa

"Nem sempre as coisas são como parecem. Às vezes o mundo é um imenso teatro [...]."
 Inverso, Karen Alvares

Megan é uma garota de cabelos pretos com mechas roxas, de quase 15 anos de idade, que mora com seu pai e sua irmã mais nova, Mina, com quem mantém uma relação maravilhosamente carinhosa. Elas perderam a mãe a 4 anos e desde então as coisas se tornaram complicadas e Megan virou a mulher da casa, sempre precisando apoiar seu pai e sua irmã, tentando fazer a situação melhorar ao menos um pouco. Por seu jeito diferente e nada preocupada com o universo adolescente, Megan tem apenas um amigo, seu porto seguro nos seus piores momentos, Daniel, quem lhe ajuda em diversos momentos tensos da história. 


Megan, Mina e seu pai evitaram se mudar desde que Marina, mãe das garotas, se foi, mas chegou o momento para isso e agora eles precisam remexer nos seus pertences para separar o que realmente poderão levar para a nova casa ou não. Nessa arrumação, Megan encontra um diário de sua mãe e encara um grande dilema entre lê-lo ou não e a primeira informação que recebe ao abrí-lo é de que ela não deveria continuar a leitura. No entanto, Megan não abandona o diário, apenas o esconde na sua caixa de coisas para a mudança e continua a arrumação. Ela questiona o seu pai sobre o enorme espelho no quarto dele e o que fariam com isso, já que provavelmente não caberia na casa nova. Renato insiste para que ela esqueça aquele espelho e continue o que está fazendo. 

Ao se olhar de relance no espelho, Megan vê algo estranho. Uma garota com o mesmo rosto que o seu, porém com cabelos loiros, roupas da moda e maquiagem, três aspectos que com certeza diferem muito da sua personalidade, marcada pelas mechas roxas, blusas de bandas de rock e cara lisa, além de algumas gordurinhas em excesso. O fato é que Megan não compreende como o espelho pode estar refletindo aquela imagem. Aquilo permanece na sua mente por alguns dias. Ela retorna ao quarto dos seus pais e o espelho reflete a mesma imagem. A diferença é que agora uma mão bastante forte lhe puxa para dentro dele, para uma nova realidade em que a imagem que aparentemente a representa é chamada de Megami, ainda tem sua mãe viva, porém uma vida completamente diferente. Será mesmo que Megan continuará desejando ter a vida que tem agora? Ou irá preferir morar do outro lado do espelho? As consequências para esta decisão podem ser graves.


Temos aqui um livro que chamou a minha atenção desde o momento em que conheci a Editora Draco e que só agora eu finalmente consegui ler. Já li outros livros da Karen Alvares e gostei muito de todos, mas Inverso ainda era o meu mais desejado da autora. Me surpreendi positivamente com uma história ainda melhor do que tudo que já havia lido dela. Li o livro em apenas uma tarde e fiquei fissurada com cada nova informação recebida e ainda mais alucinada com o final da história. Estou sedenta por uma continuação da luta silenciosa entre Megan e Megami, para descobrir os tantos segredos que envolvem essa transição entre espelhos e para saber o que vai acontecer com todos os envolvidos da história! Eu SUPER indico para quem curte histórias que te fazem querer devorar página atrás de página






Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





Resenha - O casamento da princesa

segunda-feira, 18 de abril de 2016
Título: O casamento da princesa
Autor(a): Meg Cabot
Número de páginas: 444
Editora: Galera Record


Por: Brenda Sousa

"Sempre achei que, ao virar adulta, as coisas seriam menos confusas, mas infelizmente, tudo só fica mais confuso." 
O casamento da princesa, Meg Cabot

Mia Thermopolis agora tem 26 anos de idade e já faz muito tempo que deixou seu problemático e conturbado Ensino Médio, época em que descobriu ser princesa da Genovia. Hoje Mia continua o seu relacionamento com Michael, que é irmão da sua melhor amiga Lilly Moscovitz e que está disposto a enfrentar todas as loucuras da sua futura vida de rainha ao seu lado. É de se pensar que uma mulher de 26 anos não esteja mais escrevendo em diários, mas, por incrível que pareça, foram recomendações médicas para o atual estresse extremo em que se encontra, com seu pai sendo preso por dirigir bêbado em Nova Iorque, sua avó pegando no seu pé o tempo inteiro, sua mãe que perdeu o marido a alguns anos e a mídia o tempo inteiro te enchendo o saco e te classificando num inútil ranking da realeza no mundo. 

Seria suficiente, mas com Mia não há nada tão ruim que não possa piorar. Ela descobre que seu pai teve um caso a alguns anos atrás e que ela tem uma irmã de quem ela nunca ouviu falar e que está sendo vítima de dois tios exploradores, já que sua mãe morreu quando ela era ainda mais jovem. Olívia tem 9 anos de idade e é o alvo da proteção de Mia em boa parte da história. Mal sabia ela que tentar proteger a irmã poderia gerar uma confusão ainda maior na sua vida. Ah! Ainda temos o fato de que as eleições para primeiro ministro da Genovia estão prestes a acontecer e seu pai está perdendo nas estatíticas para o seu primo Ivan, péssimo administrador para um país com tantos problemas como a Genovia. De fato, a vida de Mia nos últimos anos só tem piorado.

"Também amo ler romances, mas como sempre digo para a Tina, na vida real as coisas nem sempre acontecem do mesmo jeito." 
O casamento da princesa, Meg Cabot

Mas também temos coisas boas nessa história. Depois da pressão da mídia e da intensa necessidade de conseguir um tempo com sua namorada, Michael decide pedi-la em casamento em um momento a sós muito romântico com Mia. O casamento da princesa é apenas mais uma das manchetes mundiais e o sonho de uma cerimônia íntima, apenas para familiares e amigos próximos, vai por água abaixo. 


Eu leio os livros da série "O diário da princesa" desde os meus 11 anos de idade. Quando soube do lançamento de um volume 11, depois de aproximadamente 7 anos do último volume, meu coração se encheu de alegria. Essa foi uma série que me ajudou a viciar ainda mais na leitura e eu sinto um carinho imenso por cada um dos personagens. Retomar a leitura foi como reencontrar velhos amigos, sabendo um pouco sobre a história de cada um deles, conhecendo suas personalidades e sabendo dos seus problemas. 

Fiquei surpresa com algumas novidades trazidas por Meg nesse volume da história, mas me deu uma visão de futuro bastante interessante para o final anterior da série. Gostei MUITO de ver Mia mais velha, mais responsável, apesar de ainda atrapalhada nas suas funções reais. É legal sentir que uma personagem cresceu, assim como você, e que não ficou parada lá no passado quando você fechou a última página do livro anterior. Gostei de acompanhar as novidades e o desenrolar desse novo "capítulo" nos diários de Mia e de entender as referências a acontecimentos passados. AH! EU QUE SAUDADE DO FAT LOUIE!!!! <3 

"-[...] Este é o problema da sua geração, Amelia. Só querem finais felizes." 
O casamento da princesa, Meg Cabot

Algumas coisinhas me incomodaram um pouco, como o fato de a editora não ter lançado uma versão com a capa no modelo da série antiga. Acho um pouco triste ter que colocar na estante um 11º livro para a série com um design diferente de todos os outros que tenho. Acho que seria muito legal considerar os fãs antigos fazendo isso. Um outro aspectos é que eu esperava mais detalhes, mais capítulos sobre o casamento em si, pois temos algumas novidades bombásticas na história que, a meu ver, me fizeram querer um pouco mais sobre o que realmente deu título ao livro. No mais, meu amor por Meg Cabot e seus personagens nesta série permanece intacto. <33333








Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





Leituras de Março

domingo, 17 de abril de 2016

Olá, leitores!

Neste mês de Março consegui alcançar pelo menos a minha meta de 5 livros mensais. Foram livros de gêneros diferentes e isso fez o mês ser bem diversificado. Vamos ver quais foram?

1. Amy e Matthew - Cammie McGovern
SINOPSE: Amy e Matthew não se conheciam realmente. Não eram amigos. Matthew sabia quem ela era, claro, mas ele também sabia quem eram várias outras pessoas que não eram seus amigos.Amy tinha uma eterna fachada de felicidade estampada em seu rosto, mesmo tendo uma debilitante deficiência que restringe seus movimentos. Matthew nunca planejou contar a Amy o que pensava, mas depois que a diz para enxergar a realidade e parar de se enganar, ela percebe que é exatamente de alguém assim que precisa.À medida que passam mais tempo juntos, Amy descobre que Matthew também tem seus problemas e segredos, e decide tentar ajudá-lo da mesma forma que ele a ajudou.E quando a relação que começou como uma amizade se transforma em outra coisa que nenhum dos dois esperava (ou sabe definir), eles percebem que falam tudo um para o outro... exceto o que mais importa.




2. E de Extermínio - Cirilo S. Lemos
SINOPSE: Planos sinistros! Paranormalidade! Ideologias! Clones! Dieselpunk! Participe das aventuras da extraordinária família Trovão! Jerônimo, o pai, matador profissional que conta com a ajuda de uma Santa. Deuteronômio, o primogênito, tem sede de aventuras e não se importa com manchas de sangue e óleo. Levítico, o caçula, cuja imaginação fantasiosa pode conter as sementes da ordem ou do caos. E Irmã Célia, a madrasta, que tenta manter todos unidos com suas mandingas em nome de Deus. Este é um Brasil alternativo onde o Império avançou até a primeira metade do século XX tropeçando nas próprias pernas. Quando a saúde do Imperador falha, surge a chance que os americanos precisavam para apoiar o movimento republicano. Mas os monarquistas não estão dispostos a ceder e contarão com a ajuda interesseira da União Soviética. Enquanto isso, decidido a ser um bom exemplo para os filhos, Jerônimo entende que a hora de se aposentar finalmente chegou. Mas quando seu último trabalho põe a família inteira em perigo, ele percebe que a única forma de garantir a paz é travando outra guerra. E outra. E outra. Em um ciclo que parece não ter fim.




3. O despertar dos Titãs - Thaylane R. Ramos 
SINOPSE: Após uma traumática batalha contra os deuses olimpianos, os feiticeiros Alma, Ellen, Jason e Rodrigo decidem retomar suas antigas vidas em busca de paz e tranquilidade. A belíssima Espanha é o local escolhido para esse recomeço, e o início da faculdade parece ser o caminho mais indicado para isso. No entanto, se mudar para outro lugar e conhecer novas pessoas não apagava a realidade de que eles continuavam com os seus poderes, e que tinham que lidar com isso dia a dia para não expor o segredo da magia ao mundo. Então, alguém inesperado reaparece, e um terrível desejo de vingança pode colocar tudo a perder. Algumas escolhas deverão ser feitas e isso poderá acabar com tudo com o que eles mais se importavam: amizade, amor e família. A volta dos Titãs era uma ameaça até mesmo para os deuses, e por isso, eles não podiam permitir que tal coisa ressurgisse. Mas, e se a confiança firmada há tantos anos por uma velha amizade fosse quebrada por interesses particulares? Você seria capaz de confiar novamente em um traidor?




4. Quando a selva sussura - Vários autores
SINOPSE: Muito antes do homem, há o mistério. Em meio à imensidão das florestas, existe algo que vai além dos rios, igapós e das barrancas de terras caídas. Uma chave que brilha em verde-esmeralda e que guarda a entrada da origem de tudo: da copa intransponível das árvores, que quase não permite que o solo úmido veja a luz do Sol, a todo ser vivente que caminha furtivamente pelos meandros dos segredos. Há quem adentre a selva sem pedir permissão e nunca mais retorne. Há quem desista de encará-la quando os ventos trazem o canto invisível do Uirapuru, os passos do Mapinguari ouvidos de muito longe ou mesmo as vozes sem face que sussurram sem dizer uma palavra. E há quem nada saiba sobre ela.




5. Sensacionalista - Leonardo Lanna, Martha Mendonça, Marcelo Zorzanelli e Nelito Fernandes
SINOPSE: Você fica on-line e não sabe mais o que é verdade e o que é mentira? De repente você se dá conta de que a realidade parece piada e as piadas poderiam ser reais? Aquele seu amigo depressivo e autodestrutivo exibe uma vida radiante e cheia de significado no Facebook? O apocalipse é um dia sem o Whatsapp? Então seja bem-vindo ao mundo do Sensacionalista, o portal de humor da internet com 2,5 milhões de fãs mais isento que você já conheceu... Depois de ler este livro, você vai ter certeza que, se no futuro alguém resolver estudar nossa geração, pelo menos vai se divertir muito – e talvez chegue à conclusão de que tudo não passou de uma grande farsa.




É isso, leitores! Como foram as leituras do mês de Março para vocês? Nos contem, compartilhem! <3 
Até breve!





Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





Carta à autora

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Sexta-feira, 15 de Abril de 2016

Querida Meg,

No auge dos meus quase 22 anos de idade, me peguei saltitante dentro de casa quando, a alguns meses atrás, soube do lançamento de um 11º volume para a série "O diário da princesa". Parei para pensar e compreendi que a minha empolgação foi originada de um amor literário iniciado a 11 anos atrás quando eu ainda era uma pré-adolescente e os seus livros começaram a me ensinar tanta coisa dessa loucura que chamamos de vida, desde a nossa adolescência até a fase adulta. Acabo de ler "O casamento da princesa", e preciso dizer um imenso "Muito obrigada". Obrigada não só por tê-lo lançado, mas por ter trazido de volta alguns personagens que marcaram tanto a minha vida. Obrigada pelos diários de Mia, pelos sinceros conselhos disfarçados em frases de uma personagem tão enlouquecidamente "normal" (fora o fato de ser uma princesa, e ser neta de quem é, obviamente. hahaha). 

Já li VÁRIOS dos seus livros, desde os voltados para o público infantil (como a série 'As leis de Allie Finkle para garotas') até os mais voltados para jovens (como a série 'Tamanho 42 não é gorda'). Apesar de tanto julgamento e preconceito literário que vejo por aí, as suas histórias conseguem ser versáteis, atingir diversos públicos e fazê-los se apaixonar por seus personagens que são tão diferentes em suas características e tão marcantes. Às vezes paro para buscar seus lançamentos e quantos dos seus livros ainda não li e acho que vou enlouquecer, portanto, peço encarecidamente, que você me espere terminar de ler os que já publicou até agora, para apenas então lançar novos livros e novas série. Obrigada, de nada! hahaha

Além de todas as leituras, tenho uma marcante lembrança da primeira vez que você veio ao Brasil e, felizmente, passou aqui em Salvador para nos visitar. Cheguei tarde, não consegui pegar senha, chorei feito uma louca no meio do shopping e me entupi com um milkshake de 700ml (só para mim), até minha prima (bem mais velha que eu) me ligar dizendo que eu conseguiria ao menos vê-la chegar e sair, bem de pertinho, se eu ficasse na entrada do local de autógrafos, onde ela já guardava um lugar para mim. Corri por entre os corredores lotados até chegar lá. Conheci pessoas novas, pessoas que até hoje se esbarram comigo na rua e lembram da diversão que esse dia foi. Mas o mais mágico de tudo, foi ver você se comportar como uma verdadeira princesa, obedecendo as regras de comportamento que lemos por tantos anos nos diários de Mia, acenando como Mia foi ensinada a acenar e tantas coisas mais. Foi tão fofo ver aquilo, como uma pré-adolescente apaixonada por seus livros... Consegui apertar suas mãos, receber seu sorriso e ganhar um autógrafo, guardado com muito carinho até hoje. Voltando ao passado vejo quem realmente me fez cair de cara no mundo literário e frequentar cada vez mais eventos deste tipo. 

Por fim, obrigada pelo carinho com os fãs brasileiros, obrigada por nos aproximar tanto dos seus personagens e por criar histórias maravilhosas para todos nós. Espero que esteja aqui novamente em breve!


Brenda Sousa


Obs. Essa carta é o primeiro post do projeto Blogueiras em ação, criado pela Carol do blog Carol Hermanas. Para quem não conhece, é só clicar AQUI. O projeto tem disponibilidade para quem quiser participar! *_* Em breve teremos MUITO mais posts do projeto, em diversos formatos. Espero que curtam!





Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





Resenha: Marvel Guerra Civil

quinta-feira, 14 de abril de 2016
Título: Guerra Civil
Autor: Stuart Moore
Número de páginas: 398
Editora: Novo Século




SINOPSE: A épica história que provoca a separação do Universo Marvel! Homem de Ferro e Capitão América: dois membros essenciais para os Vingadores, a maior equipe de super-heróis do mundo. Quando uma trágica batalha deixa um buraco na cidade de Stamford, matando centenas de pessoas, o governo americano exige que todos os super-heróis revelem sua identidade e registrem seus poderes. Para Tony Stark o Homem de Ferro é um passo lamentável, porém necessário, o que o leva a apoiar a lei. Para o Capitão América, é uma intolerável agressão à liberdade cívica. Assim começa a Guerra Civil.




Por: Karine dos Reis

“[...] Capitão abaixou seu escudo, e baixou a cabeça. – Nós deveríamos… deveríamos lutar pelas pessoas. Mas não estamos mais fazendo isso. – Ele mostrou à sua volta. – Estamos apenas lutando. ”
Marvel Guerra Civil - Stuart Moore

Eu adoro a Marvel e os seus super-heróis e isso começou há 4 anos quando eu vi Os Vingadores no cinema. Eu parecia uma criança quando descobre algo novo e eu realmente estava descobrindo algo novo todo um universo de super-heróis incríveis e desde então eu não parei mais. Eu já tinha ouvido falar muito bem deda HQ sobre a Guerra Civil e quando eu fiquei sabendo que houve a adaptação para a forma literária eu fiquei ainda mais curiosa e decidi finalmente ler.

A história começa com o Novos Guerreiros, que são um grupo de super-heróis que estavam participando de um reality show, bem no estilo Big Brother, que mostrava o dia-a-dia deles no combate ao crime. Só que esse reality show estava perdendo muita audiência então para se autopromoverem eles decidem enfrentar vilões que tinham acabado de escapar de uma prisão estadual. Tudo parecia muito fácil até que eles decidiram enfrentar o Nitro que era muito mais forte do que todos eles juntos e possui o poder de se auto explodir e explodir tudo o que está a sua volta. E é isso o que ele faz. Só que nessa explosão ele acaba levando um quarteirão inteiro junto e matando quase 900 moradores de Stamford, Connecticut.

“Mas Tony tinha de admitir que, conforme o mundo ficava mais perigoso, seres com superpoderes se tornavam cada vez menos populares entre os civis. Sendo o Vingador mais famoso e tendo sua identidade conhecida pelo grande público, Tony sentia -se especialmente obrigado a garantir que ambos os lados fossem ouvidos. ”
Marvel Guerra Civil - Stuart Moore

Isso é o estopim e o governo decide criar a Lei de Registro de Super-Humanos onde o governo determina que os super-heróis devem se registrar e receber treinamento, ou se preferir, se aposentar, e em troca receberão um salário e os super-heróis que decidirem não se registrar deverão ser capturados e presos. Com isso, ocorre a divisão onde temos dois grandes pilares: Homem de Ferro, a.k.a Tony Stark que é a favor da lei do registro e Capitão América, a.k.a Steve Rogers que é contra a lei.

Eu consegui compreender os dois lados dessa história e assumo que o lado do Homem de Ferro me convenceu mais, afinal esses super-heróis precisam de controle. Imaginem como seria o mundo se todo mundo que tivesse um superpoder decidisse combater o crime. Tudo bem que os vilões que começam com a merda, mas ninguém pensa nos civis em toda essa história. É como se todos nós recebêssemos armas e pudéssemos combater o crime. Se a gente ferisse uma pessoa inocente deveríamos responder pelos nossos atos, certo? Então eu concordo que haja um treinamento e que essa pessoa caso haja um acidente deve responder pelos seus atos. Mas por outro lado não concordo com as atitudes que o Tony tomou, porque para mim tanto ele quanto o Steve fazem atitudes bem erradas, e por fim eles estavam lutando por eles mesmos e não pelos civis.


O Stuart Moore merece palmas por ter conseguido adaptar muito bem a HQ de maio sucesso do universo Marvel para uma forma literária. É leitura primorosa que te põe para pensar a todo instante se essa lei realmente é uma boa ideia ou não. E também eu devo destacar o Mark Millar e o Steven McNiven pela criação dessa história maravilhosa. 

Então se você está pensando em ver Capitão América: Guerra Civil, que vai estrear daqui a mais ou menos 1 mês, eu aconselho a leitura para a compreensão da história, apesar de que os irmãos Russos (que escreveram o filme) já falaram que não vamos ver muito da Guerra Civil dos livros no cinema. Mas é uma leitura que eu recomendo muito.







Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





| Brincar, clicar, amar | Lançamento Belas Letras

terça-feira, 12 de abril de 2016
Você vai querer relembrar os melhores momentos do seu filho quando ele crescer. Do primeiro passo ao primeiro dia na escola, as melhores lembranças serão aquelas que ficarão registradas no papel. Em Brincar, clicar, amar, Giselle Sauer, fotógrafa que assina o livro, prova por meio de dicas simples e truques necessários que é possível registrar bons momentos de forma caseira. 

Conhecida pelo seu estilo original, em que fotografa a sensibilidade das famílias de modo espontâneo, sincero e descontraído, Giselle apresenta uma conversa divertida ao longo do livro. 

“O importante é aprender a enxergar os momentos”, garante aos papais de primeira viagem.


Para aqueles que ainda não têm filhos, os cliques fofos e irresistíveis prometem causar ainda mais vontade de aumentar a família. Marcos Piangers, autor do best-seller O Papai é pop, assina o prefácio:

“O Ministério da Família adverte: este livro poderá causar uma vontade incontrolável de ter filhos em algumas pessoas. Leia sempre com um método anticoncepcional por perto”, avisa. 

O livro, já em pré-venda, desembarca nas livrarias neste dia das mães!






Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos





Picbook project: Música & Livros

sábado, 9 de abril de 2016

Olá, leitores!!

Olha o nosso Picbook Project voltando para o mês de Abril! O tema desse mês é a coisa mais linda: Música & Livros. Sabem porque escolhemos esse tema? Dia 20 de abril é dia do disco e dia 29 de abril o dia dança, por isso decidimos escolher um livro que tem trilha sonora ou que fala sobre música. Inicialmente a minha escolha era "Se eu ficar" e "Para onde ela foi", mas como o segundo volume está emprestado, decidi escolher "A última música", do tio Nicholas Sparks. 

SINOPSE: Aos dezessete anos, Verônica Miller, ou simplesmente Ronnie, vê sua vida virar de cabeça para baixo, quando seus pais se divorciam e seu pai decide ir para a praia de Wrightsville, na Carolina do Norte. Três anos depois, ela continua magoada e distante dos pais, particularmente do pai. Entretanto, sua mãe decide que seria melhor os filhos passarem as férias de verão com o pai na Carolina do Norte. O pai de Ronnie, ex-pianista, vive tranquilamente na cidade costeira, absorto na criação de uma obra de arte que será a peça central da igreja local. Ressentida e revoltada, Ronnie rejeita toda e qualquer tentativa de aproximação do pai e ameaça voltar para Nova York antes do verão acabar. É quando Ronnie conhece Will, o garoto mais popular da cidade, e conforme vai baixando a guarda, começa a apaixonar-se profundamente por ele, abrindo-se para uma nova experiência que lhe proporcionará uma imensa felicidade - e dor - jamais sentida.



Como a sinopse brevemente comenta, o pai de Ronnie é um ex-pianista e esse é o ponto que me fez escolher este livro para o Picbook de Abril. Vários trechos da história são voltados para pai e filha com o piano e são momentos muito bonitos. Pode parecer mais um romance cliché (e lindo) de Nicholas Sparks, mas o foco da história é mais a relação entre Veronica e seu pai do que ela e Will. Foi o aspecto que mais me marcou neste enredo e que mais derramou lágrimas minhas. Obviamente, livro de Nicholas Sparks sem lágrimas não é livro de Nicholas Sparks. hahaha'
















Visitem os outros blogs participantes! 

BLOGUEIRAS PARTICIPANTES:
     
      





Brenda Sousa
21 anos. Baiana. Blogueira, leitora viciada, apaixonada por séries de TV. Graduanda em Fonoaudiologia. Criadora do @PostandoTrechos
 
© Postando Trechos, VERSION: 02 - Dentro do céu - Agosto/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Maidy Lacerda
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo